Ruas nunca sabem quem ganha antes de o voto entrar na urna

Lula vem sendo apontado por alguns institutos como franco favorito nas pesquisas preliminares que avaliam o comportamento da opinião pública  na corrida presidencial.  Do outro lado, no campo de guerra, Bolsonaro mostra que não está sepultado, apesar do rompimento com meios de comunicação do país.

Voto não é decisão definitiva antes de entrar na urna e, na tradução dos experientes representa faca de dois gumes. Ninguém pode cantar de galo com manifestações de vésperas, como ensinam os resultados dos confrontos já deixaram muita gente de calça curta.

Aqui em Alagoas, o PT se anima para a corrida de outubro, achando que não tem adversário, mas o deputado Arthur Lira garante que não é bem e aposta todas fichas na recondução de  Bolsonaro. Mas eleição não avisa quem tá na frente na hora de anunciar as listas dos vitoriosos e derrotados. Moro. Ciro Gomes, João Dória, Tebet do MDB podem subir, de repente, produzirem a zebra e botar água na espuma do chopp, deixando a bebida fora da  geladeira.

Fonte coluna José Elias C/ Flora Guimarães( Jornal Gazeta de Alagoas)

.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo