Valor da cesta básica aumenta 4,8% na capital alagoana em janeiro, diz Procon

O valor da cesta básica comercializada em Maceió avançou 4,8% na passagem de dezembro de 2018 para janeiro deste ano, segundo levantamento divulgado nesta quinta-feira (24), pelo órgão de defesa do consumidor da capital (Procon Maceió).

De acordo com os dados, o preço médio do conjunto de alimentos que compõem a alimentação básica do maceioense pulou de R$ 45,32 para R$ 47,58. Contribuíram para a alta de janeiro o óleo de soja, que ficou R$ 1,80 mais caro, em média, e o feijão, que subiu em média R$ 0,95%.

Realizada na quarta-feira (23), a pesquisa consultou o preço dos 13 produtos que compõem a cesta básica em cinco supermercados da capital alagoana. Em média, o leite em pó foi o que registrou o maior valor, com R$ 13,50. Em seguida aparecem a manteiga (R$ 8,17), óleo de soja (R$ 5,50) e o feijão (R$ 5,20).

Na outra ponta, os produtos que tiveram os menores preços foram a farinha de milho flocada (R$ 1,80), açúcar refinado (R$ 2,43) e o arroz parbolizado (R$ 2,89).

O Procon Maceió recomenda que o consumidor deve pesquisar os preços dos produtos antes de adquiri-los. “Deste moto, ele vai obter mais economia e evitar gastos excessivos que possam comprometer a renda mensal”, explicou o diretor-executivo do Procon Maceió, Leandro de Jesus.

gazetaweb

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com