“Toda a população de Penedo recebe água tratada”, ressalta diretor do SAAE, amparado na FPI

Uma portaria publicada pelo Ministério Público Estadual (MPE/AL) de Alagoas nessa quarta-feira, 15, causou surpresa em Penedo. O documento aponta para supostos problemas no tratamento da água em algumas das 31 estações de responsabilidade do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do município localizado na região do Baixo São Francisco.

O diretor-presidente da autarquia, Francisco Sousa Guerra – ou Tico, como é mais conhecido – falou sobre o assunto na Penedo FM, confrontando a portaria com os resultados da 8ª edição da FPI (Fiscalização Preventiva Integrada). A conclusão do trabalho que envolveu órgãos estaduais e federais foi divulgada em Penedo no dia 16 de março deste ano, durante audiência pública, e destacou melhorias nos serviços do SAAE.

“Toda a população de Penedo, rural e urbana, recebe água tratada, é o que está em um dos slides e na ata da audiência, esta é uma conclusão do núcleo da FPI responsável por analisar a água, equipe que elogiou até o aspecto das nossas estações, todas elas cercadas e limpas”, ressaltou Francisco ‘Tico’ Guerra em entrevista concedida nesta quinta-feira, 16.

Ainda com base no trabalho da FPI, o diretor do SAAE Penedo frisou que a análise da água em cada estação é feita no local da coleta, com resultado imediato, avaliação semelhante ao controle de água de piscina. “Foram coletadas amostras nas 37 estações do SAAE Penedo, inclusive na zona rural, e nós acompanhamos esse trabalho”, recordou Tico Guerra no programa Lance Livre.

O diretor-presidente da autarquia acrescentou que todas as estações da autarquia receberam este ano novas bombas dosadoras de cloro, equipamento moderno que libera o produto químico em sua forma líquida. Ele disse ainda que seria “uma deliberada irresponsabilidade ou falta de bom senso deixar as estações sem cloro” justamente durante a visita da FPI.

Tico Guerra concluiu informando que o SAAE Penedo ainda não foi notificado, mas que solicitará cópia dos laudos relacionados na portaria do MPE e a realização de contraprovas.

Boa informação

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com