Time do Liverpool é recebido com festa após conquista da Liga dos Campeões

Se milhares de torcedores do Liverpool invadiram as ruas de Madri para a grande decisão da Liga dos Campeões da Europa, havia uma multidão muito maior no retorno do time inglês a sua cidade, neste domingo pela manhã, com a taça de campeão europeu nas mãos. Após a vitória por 2 a 0 frente ao Tottenham, o Liverpool conquistou sua sexta “Orelhuda”, como é carinhosamente chamado o troféu dado ao ganhador da Champions.

“A gente esperou muito por esse título. Com todo respeito ao Tottenham, essa nossa geração merecia marcar história por tudo que fez nos últimos anos. Batemos na trave na temporada passada e, agora, fizemos esse golaço levantando a orelhuda. A Premier League escapou por apenas um ponto e não poderíamos deixar a Champions escapar de novo. Estou feliz demais”, disse Firmino por meio de sua assessoria de imprensa.

O atacante brasileiro ainda exibia os cabelos vermelhos, pintados logo depois da partida. A delegação participou de um desfile em carro aberto com o troféu pelas ruas de Liverpool. Em uma foto, colocada nas redes sociais do clube, todos os jogadores se posicionaram na escada do avião com as medalhas conquistadas pelo título europeu e o técnico alemão Jürgen Klopp, ao lado do capitão Jordan Henderson, ostentava o troféu.

Os outros títulos do Liverpool foram conquistados em 1977, 1978, 1981 e 1984, e deixam o clube atrás apenas do Real Madrid, maior vencedor da Liga dos Campeões, com 13 conquistas, e do Milan, que levou a melhor sete vezes. O ônibus aberto que transportava a delegação em meio à multidão vermelha tinha a seguinte mensagem estampada em sua lateral: “Campeões da Europa”.

Uefa divulga time do campeonato com três brasileiros na lista – Terminada a edição 2018/2019 da Liga dos Campeões, a Uefa divulgou seu elenco ideal do torneio com a presença de três brasileiros. Ao todo, a entidade máxima do futebol europeu selecionou vinte atletas divididos por posições. Dessa lista, que contou com a presença de apenas sete clubes (Ajax, Lyon, Liverpool, Barcelona, Manchester City, Tottenham e Juventus), não poderia faltar o goleiro Alisson, estrela do Liverpool, que teve atuação destacada em várias partidas, especialmente na decisão do último sábado, com defesas providenciais no fim do duelo inglês no estádio Wanda Metropolitano, em Madri.

Na frente, David Neres teve seu passe valorizado e até foi convocado por Tite para a disputa da Copa América pela seleção brasileira após a brilhante campanha de seu jovem e surpreendente Ajax. O brasileiro foi decisivo no ataque da equipe holandesa, principalmente ao eliminar o poderoso Real Madrid, nas oitavas de final da Liga dos Campeões.

Para o setor de ataque, Lucas Moura foi outro representante brasileiro, fazendo companhia, dentre outros, aos astros Lionel Messi e Cristiano Ronaldo. O ex-são-paulino garantiu sua vaga devido a uma das partidas mais memoráveis da história do torneio, na qual marcou três gols na vitória de 3 a 2 diante do Ajax, em Amsterdã, pelas semifinais.

Como não poderia deixar de ser, o time campeão dominou a lista, com seis jogadores. Além de Alisson, o zagueiro Van Dijk, os laterais Alexander-Arnold e Robertson, o meia Wijnaldum e o atacante Sadio Mané figuravam entre os selecionados.

Confira a lista da Uefa:

Goleiros: Alisson (Liverpool) e Ter Stegen (Barcelona)

Defensores: Van Dijk (Liverpool); De Ligt (Ajax); Vertonghen (Tottenham); Alexander-Arnold (Liverpool) e Andy Robertson (Liverpool)

Meio-campistas: Sissoko (Tottenham); Ziyech (Ajax); De Bruyne (Manchester City); De Jong (Ajax); Ndombele (Lyon); Wijnaldum (Liverpool), David Neres (Ajax) e Sterling (Manchester City)

Atacantes: Lionel Messi (Barcelona); Tadic (Ajax); Mané (Liverpool); Cristiano Ronaldo (Juventus) e Lucas Moura (Tottenham).

tnh1

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

WP2FB Auto Publish Powered By : XYZScripts.com