DestaquePenedo

Semthas realiza campanha “No verão trabalho infantil não” durante o bloco Ovo da Madrugada

A Semthas- Secretaria municipal do trabalho, habitação e Assistência Social realizou no último sábado (17) durante a prévia carnavalesca do Bloco Ovo da Madrugada, uma campanha que faz parte das ações estratégicas do programa de erradicação do trabalho infantil denominado “No verão trabalho infantil não”, com panfletagem e orientações aos foliões sobre a necessidade de se combater a prática. O programa foi criado pelo Governo do Estado, a fim de conscientizar a população sobre os malefícios do trabalho infantil, que aumenta com a chegada do verão.

De acordo com o Coordenador de Planejamento da Semthas, Vinícius Barbosa, o Bloco carnavalesco Ovo da Madrugada foi visto, pelas equipes da Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social (SEMTHAS), como mais uma oportunidade de aproximação com a comunidade e de alertá-la sobre as consequências do trabalho na infância.

“Essas ações integram as prioridades da SEMTHAS que tem buscado integrar seus programas e projetos garantindo que haja proteção social e desenvolvimento das oportunidades de geração de renda da população”, destacou.

Durante a previa carnavalesca, as equipes conversaram com os foliões e entregaram o material educativo (folder, ventarolas e viseiras) sobre o trabalho infantil. Nesse mesmo dia a Semthas continuou com as atividades Escolinha de Futebol Trabalhando Sonhos que acontece sempre todos os sábados e domingos, no horário da feira livre.

Também no local do evento, uma das mulheres participantes do Curso de Produção de Tapioca, esteve comercializando os produtos oriundos do seu aprendizado e produção; empreendendo e possibilitando, que os foliões pudessem restabelecer suas energias provando da tradicional culinária regional.

Para a coordenadora das Ações Estratégicas de Enfrentamento ao Trabalho Infantil (AEPETI), Didiany Costa, o trabalho de transformação cultural, onde as pessoas percebam as mazelas causadas pelo trabalho na infância, demanda ações continuadas e, cada vez mais, integradas. Quanto maior é o desafio, maior a disposição das nossas equipes em intervir de forma que mostre às famílias o quanto há de vantagens quando elas fazem a adesão às ações da SEMTHAS.

A Secretária da pasta, Maria Isabel Ernesto Bezerra Cabral, vê esse movimento com muita animação.

“As pessoas já começaram a enxergar que é preciso romper ciclos de pobreza e não permitir a exploração da mão-de-obra infantil é parte fundamental. Nós temos qualificado nossos serviços de convivência e fortalecimento de vínculo, estendendo as ações aos finais de semana e, consistentemente, observando as demandas comunitárias de geração de renda”, afirmou a Secretária.

 

penedo.al.gov

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar