DestaquePenedo

Semarh Penedo realiza visita técnica a cooperativa de reciclagem

Thiago Sobral-jornalista Decom (PMP)

A equipe técnica da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Penedo-Semarh realizou nesta segunda-feira (25), uma visita técnica à Ascamare-Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis São José, localizada no município de Coruripe.

O objetivo da visita é conhecer a estrutura interna de uma cooperativa do gênero, visando a implantação em Penedo.

De acordo com o Gerente de Licenciamento e Fiscalização da Semarh, Walberto da Silva, a equipe técnica da secretaria têm visitado cooperativas de reciclagem no Estado de Alagoas  e formulando o projeto que deverá ser implantado pela Prefeitura de Penedo.

Ele citou o trabalho realizado nesses locais, como exemplo, para resolução de um dos problemas graves a nível mundial na atualidade, que é a questão do lixo.

Com a criação de cooperativas de reciclagem o volume de material que é enviado aos aterros sanitários é reduzido, contribuindo também com a limpeza urbana em sua totalidade.

Ascamare

A cooperativa de reciclagem localizada em Coruripe, tem como Presidente o ex-catador Carlos Guilherme de Souza Santos.

No local trabalham 12 pessoas, que realizam diversas atividades, a exemplo da coleta de material em alguns locais da cidade, separação dos itens entre: plásticos, metais ou papelão, e operação da prensa mecânica, na qual os materiais são inseridos para compactação.

Presidente da cooperativa Ascamare em Coruripe

De acordo Carlos Guilherme a cooperativa já existe a 13 anos. Porém após o fechamento dos lixões em Alagoas, os coletores passaram a trabalhar em um galpão próprio, na qual com a devida organização, cada um consegue uma média de um salário mínimo mensal de renda.

“Temos uma equipe que percorre as ruas a procura de matérias recicláveis e também trabalhamos em conjunto com os moradores que se sensibilizaram com a questão da coleta seletiva do lixo e nos entregam os materiais separados. Atualmente 100 casas já colaboram conosco e colaram o adesivo de identificação em suas portas”, explicou.

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar