Polícia

Preso por estelionato, trio realizou R$ 300 mil em compras em um mês

Três pessoas foram presas em uma operação da Polícia Civil no último sábado (15) por crimes de estelionato que renderam prejuízo de cerca de R$ 300 mil só nos 30 dias em que foram investigadas.

De acordo com informações da Divisão Especial de Investigações e Capturas (Deic), Fernando Magalhães de Souza, 46 anos, Cícero Sebastião Soares, 35, e Emanuela Patrícia Simão dos Santos, 36, eram responsáveis por falsificar documentos de pessoas comuns para obter crédito em financeiras e para realizar compras em valores altos.

Segundo a polícia, só no município de Jequiá da Praia, Litoral Sul de Alagoas, o grupo chegou a revender 10 piscinas de fibra no valor de R$ 14 mil cada, todas compradas por meio de fraudes.

Com os suspeitos, foram encontrados documentos falsificados, contratos de financiamentos, contas de energia em branco, um notebook onde eram realizadas as falsificações, impressora, documentos de identidade em branco e uma quantia em dinheiro.

Na casa de Fernando Magalhães, considerado um dos maiores estelionatários de Alagoas, foi encontrada uma bicicleta de uso profissional, avaliada em R$ 50 mil, que pode ter sido roubada no ano de 2017 no estado do Rio Grande do Norte.

Os três foram autuados por associação criminosa, uso de documento falso, falsificação de documento e estelionato. Eles ficarão presos e à disposição da Justiça. A operação teve a participação da delegacia de Marechal Deodoro.

 

Fonte: TNH1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar