Política

Preso empresário acusado de comprar mandato de prefeito para empossar o vice

A Polícia Federal prendeu em João Pessoa, no início da manhã desta sexta-feira (22), o empresário Roberto Santiago, considerado por muitos “o dono da Paraíba”. Ele foi preso no bairro do Bessa no âmbito da terceira fase da Operação Xeque-Mate. A operação contou com a participação de 65 policiais federais.

Proprietário de shopping centers Santiago é acusado de participar do esquema de corrupção e fraudes licitatórias no município de Cabedelo, na região metropolitana de João Pessoa. Sua defesa alegou que ainda não sabe o que está acontecendo, mas segundo investigadores o empresário é acusado dos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro, corrupção ativa e fraude licitatória.

Roberto Santiago foi denunciado pela “compra” do mandato do ex-prefeito Luceninha, em Cabedelo. O gestor renunciou ao cargo, em 2013, para que o vice Leto Viana (PRP) assumisse. Estavam em jogo contratos de manejo de coleta de lixo da Prefeitura de Cabedelo. no valor de R$42 milhões.

Também estão sendo cumpridos 11 mandados de busca e apreensão em endereços dos investigados na Paraíba e no Rio Grande do Norte, expedidas pela 1ª Vara Criminal da Justiça Estadual de Cabedelo. Também foram tornados indisponíveis vinte imóveis dos investigados, avaliados em mais de R$6 milhões.

diariodopoder

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar