Presidente nacional da OAB denuncia ter sido vítima do golpe do WhatsApp

O presidente nacional da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Felipe Santa Cruz, se tornou mais uma vítima do golpe do WhatsApp no país. Segundo o Conselho Federal da Ordem, um estelionatário teria criado um perfil falso e estaria pedindo ajuda financeira com intenções fraudulentas.

No golpe, o suspeito pede dinheiro em nome do presidente. A OAB pede para que, quem receber esse tipo de mensagem, denuncie através do 190. 

As investigações foram iniciadas e já identificaram os suspeitos. A ordem informa todas as medidas legais estão sendo tomadas.

Golpes em Alagoas

Esse tipo de golpe tem se tornado cada vez mais frequente também em Alagoas. Na última semana, o deputado Dudu Ronalsa (PSDB) teve o número do WhatsApp clonado por um presidiário. 

No caso dele, o criminoso tentava aplicar golpes para vender veículos usando o nome do parlamentar. De acordo com o deputado, o criminoso costuma “puxar conversa” e em seguida oferece um veículo. Logo em seguida, a partir da conquista da confiança da pessoa sugere a antecipação de uma parte do valor em dinheiro.

“Eu e minha equipe já detectamos a origem desse número e vimos que as ligações estão partindo de um presídio de outro Estado”, confirmou Dudu.

Os primeiros casos apurados pela Polícia Civil de Alagoas, foram revelados em dezembro do ano passado. À época, os deputados Dudu Hollanda (PSD) e Marcos Barbosa (PPS) estavam entre às vítimas.

gazetaweb.globo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com