Prejuízo com faculdades fantasmas em AL já ultrapassa mais de R$ 200 milhões

O deputado estadual Marcelo Beltrão subiu à tribuna da Assembleia Legislativa do Estado (ALE) para trazer novamente o problema das faculdades fantasmas em Alagoas. De acordo com o parlamentar, o prejuízo já chega a mais de R$ 200 milhões.

O parlamentar apresentou uma estimativa de 20 mil pessoas prejudicadas com esse golpe. Beltrão quer a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os casos.

Ele apontou que os deputados estaduais em Pernambuco já tomaram essa inciativa.

O problema das faculdades fantasmas no interior do Estado assolam os alagoanos desde o ano passado.

Após estudarem em determinados cursos, os estudantes não conseguem os diplomas já que os cursos não são reconhecidos.

Comissão de Educação no Senado 

Durante reunião da Comissão da Educação no Senado com a presença do Ministro da Educação, Ricardo Vélez,  também na tarde de hoje, o senador Rodrigo Cunha (PSDB) abordou o assunto.

Cunha também divulgou os dados e enfatizou que os estudantes estão sem expectativa de futuro. “Precisamos juntos pensar numa solução, desse problema caótico e generalizado”.

O senador disse que além de um planejamento de fiscalização é preciso ver uma solução para aqueles que já cursaram e pagaram pelos cursos.

 

maceio.7segundos

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com