Blog do GeoDestaquePenedo

Gerusa Rocha Mota – uma vida dedicada a família e a igreja 

 

 

Disse uma vez Dom Valério Breda: “É como um grão de mostarda que, quando é semeado, é a menor de todas as sementes. Mas, depois de semeado, cresce, torna-se maior que todas as hortaliças e estende de tal modo os seus ramos, que as aves do céu podem abrigar-se à sua sombra.” (Mc, 4,31-32)

Criou filhos, irmãs e netas com muita dedicação. Foi ministra da eucaristia e catequista. Esteve com Dom Constantino até seu suspiro final. Completaria no dia 14 de Fevereiro, caso estivesse viva hoje, 91 anos.

Em reconhecimento por ser uma das primeiras moradoras do Largo de Fátima (Baixa da Lama) a câmara de vereadores de Penedo nomeou a rua à frente de sua casa com seu nome. É uma pequena rua mas de grande valor, assim como a dimensão do grão de mostarda: “menor de todas as sementes que após semeado torna-se a maior de todas as hortaliças.”

Fazem parte da rua Gerusa Rocha Mota o Colégio Nossa Senhora de Fátima, o Diocesano Infantil, uma Clínica médica, o Ginásio esportivo do colégio Diocesano, a residência de Dom Valério Breda, até seu falecimento e residência de alguns políticos (prefeito, vereador, deputado, secretário de estado e diretor da maior industria da cidade).

Por Geraldo José  fonte: arquivo familiar

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar