DestaquePenedo

Exposição Penedo Encanta transforma velas de barcos em obras de arte

Velas coloridas, com temas diferentes das que são habitualmente utilizadas pelos pescadores. Os panos das canoas, como os ribeirinhos chamam as velas das embarcações, ganharam status de obras de arte, expostas ao público até amanhã (sábado, 11), no porto das balsas de Penedo.

As telas gigantes são trabalhos dos artistas plásticos Karina Michele, Dório Feitosa e Cícero Tadeu dos Santos, mais conhecido por seu nome artístico Tadeu e Seus Bonecos. A exposição é uma ação da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Juventude (Seclej) e mais um atrativo para penedenses e turistas durante os festejos de Bom Jesus dos Navegantes.

Impressionado com os trabalhos, Francisco e Ana Katherine Moura faziam fotos no cenário no final da tarde dessa quinta-feira, 09. Residente em Maceió, o casal visita Penedo pela primeira vez.

Casal Francisco e Ana adoraram a exposição Penedo Encanta (Foto Fernando Vinícius)

“A gente está de férias e ficamos sabendo da festa de Bom Jesus por conta da divulgação, já tínhamos visto reportagem da procissão na TV e ouvimos a Secretária de Cultura dando entrevista nas rádios de Maceió”, revela Francisco, completando que conseguiu hospedagem no último espaço disponível da pousada da Célia.

Ana Kaherine adorou a exposição e parabenizou o governo municipal pela iniciativa que está em sua segunda edição. “A ideia era criar mais uma atração turística, valorizando artistas penedenses para que as pessoas, tanto da cidade como turistas, conheçam um pouco mais da nossa cultura, além das belezas de Penedo”, explica a Secretária Aliny Costa.

Até quem não sabia do Bom Jesus de Penedo e está na cidade justamente nesse período de celebração religiosa e festiva prestigiou a exposição. De câmera fotográfica em punho, o professor Marcus Ramos registrava as telas hasteadas nos mastros das canoas.

“Eu estou encantado com Penedo, a cidade é maravilhosa, o Centro Histórico lindo, vocês são privilegiados”, destacou o turista que reside em Petrolina-PE, lamentando não ter se programado para ficar até domingo em Penedo, data da procissão fluvial que também já soube da importância.

Marcus Ramos diz que pretende voltar a Penedo para conhecer melhor a cidade (Foto Fernando Vinícius)

“Eu decidi fazer um tipo de expedição, visitando cidades banhadas pelo Rio São Francisco e sigo para Piaçabuçu, mas já estou pensando como fazer para voltar e passar mais alguns dias aqui”, declarou o professor responsável por um site onde publica imagens e impressões das cidades que explora com seu olhar apurado  http://jornadasfotograficas.blogspot.com/

Entre visitantes e locais que param para fazer selfies e fotos, os donos das embarcações também se divertem. Felizes com os ‘panos’ que gostariam de ter no dia a dia, aguardam com expectativa a tradicional corrida das canoas. Segundo Wilson Bispo, pescadores de toda região do Baixo São Francisco já estão inscritos para o evento que acontece na manhã de domingo, 12.

“Este ano nós vamos sair do Serrão (povoado da margem sergipana do Velho Chico), acredito que por volta das onze horas porque a gente depende do vento”, explica o pescador que já havia fotografado suas duas canoas com as telas Chapéu de Guerreiro e Recorte da Igreja Corrente e enviado as imagens, via Whatsapp, para parentes e amigos que residem em São Paulo e Rio de Janeiro. “O pessoal já respondeu, todo mundo gostou também”, finalizou.

Texto e fotos Fernando Vinícius – jornalista Decom PMP

Foto destaque Léo Ignacio 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar