Destaque

Estado amplia carga horária de matemática e português do Fundamental e Médio

Texto de Ana Paula Lins

A rede pública estadual vai ampliar a carga horária de língua portuguesa e matemática para o ensino fundamental e médio regulares. A medida faz parte do programa Escola 10 que tem como objetivo melhorar a proficiência dos estudantes nesses dois componentes.

 

As turmas de 9º ano do ensino fundamental regular passam a ter 25 horas semanais (antes eram 22h), as quais foram acrescidas com aulas de língua portuguesa e matemática. Já no ensino médio regular, as turmas de 1ª e 3ª série do ensino médio terão mais quatro horas semanais (duas de língua portuguesa e duas de matemática), as quais serão ministradas em oficinas aos sábados. Dessa forma, estas séries, que tinham uma carga horária de 800 horas/ano passam para mais de 1000 horas ao ano na rede estadual alagoana.

“Em 2019, por meio do Programa Escola 10, nós implementaremos oficinas de língua portuguesa e matemática. Essas oficinas surgem como espaço adicional para o desenvolvimento de competências e aumento da proficiência nesses dois componentes. O estudante terá contato com uma abordagem diferenciada e poderá sanar suas deficiências ao longo do processo. Diversos estudos apontam que o cumprimento do calendário e a jornada escolar são pontos essenciais para garantir o aprendizado dos estudantes”, destaca a secretária executiva da Educação, Laura Souza.

Aprofundando conteúdos – Laura explica que essa proposta difere dos laboratórios de aprendizagem que já existiam na rede estadual e que atuavam para sanar dificuldades de aprendizagens de alguns alunos. Os LAPs, como são conhecidos eram realizados no horário oposto ao que o aluno estudava e apenas para quem tinha mais dificuldade.

“Agora estas oficinas contemplarão todos os alunos, não só aqueles que apresentem eventuais dificuldades de aprendizagem. Dessa forma, eles receberão um material específico e terão um acompanhamento para aprofundar o conteúdo que estão estudando em sala de aula”, informa a secretária.

Alfabetização – Além do aumento da carga horária nas turmas de 9º anos e 1ª e a 3ª séries do médio, a Seduc também fará um trabalho especial com as turmas da alfabetização.

Esse ano serão distribuídos 550 mil livros e apostilas do Programa Escola 10 para estudantes das redes municipais e da rede estadual para as turmas da alfabetização e também para os 5º e 9º anos do ensino fundamental e 3ª série do ensino médio, assim como mais de nove mil apostilas para professores. A previsão é que essa distribuição ocorra ainda no primeiro bimestre.

O superintendente de Políticas Educacionais da Seduc, Ricardo Lisboa, relata como será a abordagem pedagógica. “Vamos trabalhar essas duas disciplinas, língua portuguesa e matemática, no sentido de fortalecer a capacidade de leitura, interpretação de textos e resolução de problemas, e, dessa forma, esperamos também reduzir a desistência e a reprovação escolar. No caso do ensino fundamental menor, focaremos na alfabetização na idade certa e na consolidação destas aprendizagens antes que o aluno comece uma nova etapa do ensino fundamental maior. Tudo isso será executado não só na rede estadual, mas também nas municipais e, para isso, daremos toda a assistência necessária aos municípios”, explica o superintendente de Políticas Educacionais da Seduc, Ricardo Lisboa.

agenciaalagoas.al.gov

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar