Escola Barão de Penedo trabalha a interdisciplinaridade por meio de brinquedo caseiro criado por alunos

A Escola Municipal de Educação Básica Barão de Penedo vem sendo palco de uma iniciativa  pioneira do Professor de Educação Física Firmino Souza. Durante os intervalos da escola o professor percebeu que um grande número de alunos que se reuniam para competir com um brinquedo conhecido como Beyblade.  Os alunos utilizavam uma versão caseira do brinquedo , usando para isso materiais recicláveis, na qual percebendo a importância da invenção dos alunos, o Professor Firmino criou um projeto escolar que  trabalha a interdisciplinaridade, dentro do processo ensino-aprendizagem.

 

Beyblade

 

Beyblade é um brinquedo baseado no beigoma, uma espécie de pião tradicional japonês, porém em uma versão mais tecnológica. Sua produção foi iniciada pela empresa japonesa Takara Tomy em 1997. Em 2002, a  empresa Hasbro produziu beyblades baseadas em uma série de TV.

Mas o que mais chamou a atenção do Professor Firmino foi que os próprios alunos fabricavam seus brinquedos e para isso utilizavam materiais recicláveis. Uma vez que, em uma loja um Beyblade varia entre 25 a 100 reais.

 

Interdisciplinaridade

 

O projeto trabalha  a importância da  interdisciplinaridade, juntando assim as aulas de educação físicas, artes, entre outras disciplinas. Com auxílio das aulas de Arte os alunos foram instruídos a utilizar materiais como tesoura ,cola, esquadro, lápis de cor entre outros, além de receber todo suporte para a confecção de seus brinquedos.

Após essa preparação foi criado o 1° torneio de Beyblade Caseiro,  que envolveu meninos e meninas do 3° ao 9° da unidade de ensino. As competições aconteceram no ginásio da escola, durante o intervalo, com o início em 06 de  junho e culminando no dia 14 de junho, com as finais masculino e feminina. Os vencedores receberam medalhas de ouro,prata e bronze.

Segundo o Professor Firmino além da felicidade e interação dos alunos foi trabalhado dentro de sua disciplina a coordenação motora, noção de espaço/ tempo e por trabalhar em dupla, incentivo ao trabalho em equipe.

“Vendo a animação dos nossos alunos, tenho a certeza que não precisa ser rico para ser feliz. Muitos deles não poderão ter um Beyblade original agora, mas podem sonhar,criar e no futuro realizar seus desejos. Aproveito para agradecer a Diretora Maria José Macêdo Leite e a Coordenadora Pedagógica Keyti Fernanda pelo apoio. ”  destacou  Firmino.

Para a Secretária de Educação Cintya Alves essa sensibilidade dos docentes unida a criatividade dos alunos resultam  em iniciativas de sucesso como essa

“De uma simples brincadeira surgem novas práticas pedagógicas,dinâmicas, lúdicas e que possibilitam aos alunos externar sua criatividade  contribuindo para sua formação como cidadão.”Salientou a Secretária de Educação.

 

Materiais reciclados utilizados

 

Tampa de garrafas pet;

CD’s velhos;

Barbante;

Argolas de chaveiro;

Bico da tampa dos frascos de detergente;

Caixas de pizzas.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com