Com ação de Marx Beltrão, AL ganha mais R$ 4,2 milhões para acesso à água no sertão

Uma ação do deputado federal Marx Beltrão em Brasília fez com que Alagoas fosse contemplada com mais R$ 4,2 milhões para que os sertanejos tenham acesso à água potável. Graças ao empenho do deputado, o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) liberou mais recursos para os programas de microssistemas de abastecimento e de construção de cisternas, realizados em diversas cidades do sertão alagoano.

“Neste segundo mandato quero avançar, e muito, na busca por recursos voltados para combater a seca, ofertar água aos sertanejos e diminuir o grande drama vivido por milhares de pessoas que habitam o sertão de Alagoas. Este drama é não contar com água para matar a sede, ou para realizar as atividades mais básicas do dia a dia. Vou perseguir esta meta durante os próximos 4 anos em Brasília”, frisou o parlamentar.

De um convênio de R$ 15 milhões junto ao MDS, Beltrão já havia conseguido liberar R$ 3 milhões para os programas de abastecimento, que em Alagoas são executados pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh). “A determinação do governador Renan Filho em executar o programa foi fundamental. Aliada a esta vontade política, o trabalho incansável e devotado do deputado Marx Beltrão na garantia dos recursos federais foram vitais para que o projeto fosse executado” afirmou o secretário executivo da Semarh, Edilson Ramos.

Com os projetos, mais de mil famílias serão beneficiadas com os microssistemas. O modelo é funcional: há a captação de água no Canal do Sertão e esta água é bombeada para reservatórios de altura elevada. De lá, a água abastece, por gravidade, torneiras das residências das localidades. Já a meta em termos de cisternas é construir mais de 1.300 destes reservatórios em dezenas de municípios da região do sertão de Alagoas.

Cadaminuto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com