Alagoas

Alagoano é uma das vítimas fatais após ingestão de bebida envenenada em Barueri

Um alagoano de Palmeira dos Índios está entre os mortos de Barueri que teriam sido vítimas de envenenamento após ganharem e ingerirem uma garrafa de bebida alcoólica. Luiz Pereira da Silva, de 49 anos, foi encontrado morto na manhã do último sábado (16) em uma praça da cidade.

Além de Luiz, outros três homens morreram e cinco outras vítimas estão hospitalizadas.

Luiz Pereira teria se mudado para São Paulo em busca de um emprego ainda na década de 90. Parentes informaram que ele sofria de alcoolismo e que estava vivendo na rua após sua separação.

Aos menos quatro hipóteses são apuradas pela polícia para tentar saber se as mortes foram decorrência de crime ou fatalidade:

Bebida será periciada

FOTO: DIVULGAÇÃO

Vingança

Uma das hipóteses é a de que comerciantes poderiam ter dado uma garrafa com bebida envenenada para o grupo que mora nas ruas por vingança. Há relatos de que comerciantes e vítimas teriam discutido antes pelo fato de elas ocuparem a região, atrapalhando o comércio.

Cracolândia

Outra hipótese é a relatada pela Guarda Civil Municipal (GCM) de Barueri, de que um dos sobreviventes teria dito que na última sexta-feira (15), desconhecidos deram a ele a garrafa de bebida alcoólica quando estavam na Cracolândia, região Central de São Paulo conhecida pelo consumo e tráfico de drogas.

A Cracolândia fica a 25 km de distância da praça em Barueri, onde o grupo estava.

Barueri

Outra hipótese vem de uma testemunha. Ela contou à TV Globo que a bebida foi entregue ao grupo em Barueri por pessoas que estavam num carro. A investigação solicitou as gravações de câmeras de segurança para tentar identificar quem levou a garrafa com a bebida às pessoas que estavam na praça. Até esta segunda-feira a polícia não identificou nenhum suspeito nas imagens.

Fatalidade

Na hipótese de ter sido uma fatalidade, as vítimas, teriam misturado medicamentos com entorpecentes e álcool e tido uma espécie de overdose. Não está descartada ainda a possibilidade de que o grupo tenha consumido álcool adulterado e se intoxicado.

gazetaweb

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar