Padrasto de Rhaniel Pedro é preso por estupro de prima de 12 anos do menino

A Polícia Civil prendeu o padrasto do menino Rhaniel Pedro na tarde desta segunda-feira (21). O homem é suspeito de ter estuprado uma prima da criança, uma menina de 12 anos.

Segundo o chefe de operações Delegacia de Crimes Contra a Criança e o Adolescente (DCCCA), Alan Barbosa, a prisão não tem ligação com o assassinato do menino, que ainda está sendo investigado.

A prisão do padrasto de Rhaniel Pedro foi uma ação conjunta entre a Delegacia de Homicídios e a Delegacia de Crimes Contra a Criança.

Às 16h20, as equipes ainda estavam na casa do suspeito, onde foi realizada a prisão.

Segundo o delegado Bruno Emílio, que investiga o assassinato de Rhaniel, nenhuma linha de investigação foi descartada, mas nenhuma informação pode ser adiantada para não prejudicar as investigações.

Rhaniel Pedro Laurentino da Silva, de 10 anos, foi encontrado morto no dia 13 de maio em uma calçada no bairro do Clima Bom, um dia após ter desaparecido ao sair para o reforço escolar.

O Instituto Médico Legal (IML) confirmou que a causa da morte do menino foi aspiração por sangue, e a polícia aguarda resultado do exame que vai comprovar se houve estupro.

No dia 4 de junho, a polícia prendeu por suspeita de estupro um homem de 45 anos que tem uma oficina perto do local em que o corpo do menino foi encontrado, mas a ligação com o assassinato do Rhaniel Pedro ainda não foi comprovada.

Por G1 AL

.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo