Juiz com passagem pela comarca de Piranhas é afastado do cargo sob acusação de tentativa milionária de estelionato

O corregedor-geral de Justiça, desembargador Fábio José Bittencourt Araújo, determinou a instauração de procedimento administrativo disciplinar e o afastamento provisório – durante o transcurso do procedimento – das funções do juiz Giovanni Alfredo de Oliveira Jatubá. A decisão foi publicada no Diário da Justiça desta sexta-feira, 9 de abril.

O magistrado figura em um inquérito da Polícia Federal que apura uma tentativa milionária de estelionato qualificado contra a Caixa Econômica Federal, supostamente praticada com a conivência do juiz, que à época exercia as funções no município de Piranhas, Sertão de Alagoas.

Segundo os autos, o juiz autorizou o saque – que não chegou a ser efetuado – de mais de R$ 5 milhões de contas da Caixa para o suposto herdeiro de uma mulher, residente no Rio de Janeiro, que não havia falecido e estava sendo vítima de tentativa de fraude.

minutosertao.cadaminuto

.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo