“Golpe do diploma”, que lesou milhares de alagoanos, está na mira do Senado

A Comissão de Transparência, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC), presidida pelo senador Rodrigo Cunha (PSDB), deve analisar amanhã (12), um requerimento – de autoria do alagoano – para que o colegiado realize uma audiência pública sobre o “golpe do diploma”.

O golpe foi praticado por faculdades que ofereciam cursos superiores à distância, sem autorização do Ministério da Educação (MEC), resultando em milhares de alunos com diplomas sem nenhum valor ao final dos cursos.

Conforme reportagem divulgada pela Agência Senado, Cunha pontuou que, recentemente, o Ministério da Educação (MEC) suspendeu 27 faculdades, em 14 estados, que estavam ofertando cursos superiores irregularmente.

A medida demonstra que o problema é nacional e deve ser discutido com representantes do MEC e do Ministério Público Federal (MPF). Também devem ser chamados para a audiência,  representantes da Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed), do Movimento Diploma Legal, da Secretaria Nacional do Consumidor e da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior.

.cadaminuto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com