Sindpol denuncia ‘invasão’ de ratos e superlotação em celas de delegacia

O Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) realizou uma denúncia de uma infestação de ratos na Delegacia Regional de São Miguel dos Campos. Após inspeção, o presidente do sindicado, Ricardo Nazário, registrou a ‘invasão’ dos roedores além de uma superlotação de presos. Ele afirma que em um espaço para 18 detentos, estavam alocados 28, em situação desumana.

Na denúncia, ele ainda afirma que os presos não podem tomar banho de sol devido ao acúmulo de materiais apreendidos espalhados no pátio da carceragem. Segundo ele, muitos presos chegaram a ser mordidos por ratos e precisaram improvisar telas para evitar a entrada dos roedores.

Outra parte da denúncia dá conta que falta alimentação para os presos que, contam com as famílias para poderem se alimentar, entretanto, a maioria dos familiares seriam de municípios próximos e não teriam condições para se deslocar frequentemente para São Miguel dos Campos.

Por fim, o presidente afirma que os problemas serão oficializados para a Delegacia Geral, a Secretaria de Segurança Pública (SSP), ao Conselho Estadual de Segurança Pública e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), esperando que sejam tomadas as providências necessárias.

A direção administrativa e financeira da PC afirma que as medidas necessárias serão tomadas para que o problema seja resolvido. O delegado João Marcelo, que está à frente da delegacia em questão, admitiu os problemas alegando que, junto à gestão, também irá tomar medidas para que os problemas citados na denúncia sejam contornados.

alagoas24horas

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com