Professores lotam MPF para pedir pagamento de precatórios

Cerca de 200 professores da Educação dos municípios de Pilar, Rio Largo, Messias, Atalaia, Viçosa e Chã Preta estiveram, na tarde desta segunda-feira, 04, no Ministério Público Federal (MPF), no bairro do Barro Duro, para pedir apoio do órgão para o pagamento dos chamados precatórios do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundeb).

Segundo a professora, Silvana Holanda, os prefeitos assinaram um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) se comprometendo a aplicar os recursos oriundos de processos judiciais, relacionados ao Fundeb, na educação dos municípios. O acordo com firmado no mês passado e até o momento não foi apresentando nenhum plano de aplicação dos valores.

A professora explicou ainda que na última sexta-feira, 1º de junho, o Tribunal Regional Federal (TRF), 5ª região, autorizou a liberação dos recursos para servidores municipais. Com isto, os professores decidiram ir ao MPF para solicitar uma reunião com a procuradora da República Niedja Kaspary. No entanto, a procuradora está em Brasília e a reunião só deve ser agendada após seu retorno a Maceió.

.alagoas24horas

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com