Vereador Nelsinho cobra a formação do Conselho Gestor para dirigir a Previdência Própria

 

 

De forma indignada, o Vereador Nelsinho Azevedo usou a tribuna da casa legislativa Sabino Romariz na sessão desta quinta-feira(03), para cobrar urgentemente a formação do Conselho Gestor para dirigir a Previdência Própria, uma ferida que ainda segundo ele não cicatrizou no coração do funcionário público. Regime esse, aprovado contra a vontade da parte mais interessada que é o servidor. De acordo com Nelsinho, o Prefeito Marcius não vem respeitando nem mesmo o que está inserido no Projeto que é primeiramente a formação dessa Diretoria para conduzir os recursos.

Para o edil ,”o problema maior do projeto de regime de previdência própria já dizia ele mesmo antes da sua aprovação seria o mal uso dos seus recursos seria a falta de gestão e a falta de comprometimento e responsabilidade e isso nós estamos assistindo de camarote dizia ele porque não somos nós, que estamos sendo afetados! São os servidores públicos. Desde que foi discutido e aprovado esse famigerado projeto, que os servidores convivem com dias de angustias e incertezas com os primeiros atos desta gestão com relação a previdência própria. A aplicação desse projeto começou ao contrário, começou pelo fim, pela parte do dinheiro, pela parte que interessava realmente a administração publica municipal e ao prefeito Marcius Beltrão. Esse dinheiro , que foi descontado antes mesmo de se vencer, antes de 30 dias. Sem respeitar assim uma vírgula do projeto que foi aprovado aqui!” E agora Sr.Presidente, indagou Nelsinho!

Cadê a Diretoria constituída e a sede do Conselho Gestor para atender as partes interessadas? Cadê o numero da conta do fundo da previdência para os donos desse dinheiro fazer as devidas fiscalizações? Cadê os três representantes do Poder Executivo? Cadê os representantes do legislativo, dos servidores ativos, inativos e pensionistas? Estão metendo a mão no dinheiro do servidor Senhor Presidente, e não tão dando satisfação nenhuma.É preciso, que o prefeito se pronuncie, é preciso que esta casa tome as providência com relação a esta farra com dinheiro do servidor sem qualquer respeito ao que pede o projeto. Nós, vereadores e esta casa não pode ficar impotente diante de tudo que está acontecendo e eu sou totalmente solidário a esses servidores e quero rogar aqui a Deus por essas pessoas, finalizou Nelsinho!

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com