Previdência: “Regimes próprios vão falir”, alerta vereador alagoano

Segundo o vereador por Murici, Anízio Amorim, o Anizão (MDB), os regimes próprios de Previdência dos municípios são inviáveis e vão falir. Ele discorreu sobre o tema durante o Congresso Estadual de Vereadores do Rio Grande do Norte, que aconteceu na semana passada, em Natal.

 

Para o vereador alagoano, além da má gestão desses institutos de previdência, outros fatores também colaboram para inviabilizar o sistema: “Enquanto o Regime Geral tem várias fontes de financiamento, a previdência própria sobrevive apenas de duas. Além disso, não há teto limitando os valores pagos aos aposentados”, analisou.

 

Anizão alertou sobre a necessidade de mobilização em busca de alternativas para que os servidores públicos tenham suas aposentadorias preservadas. “Se não houver alteração nesse quadro, milhares de servidores aposentados vão ficar sem receber nada”, completou.

 

O vereador foi convidado para falar aos colegas pela União dos Vereadores do Brasil (UVB), da qual é superintendente da seccional Nordeste.

Cadaminuto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com