O carnaval tenso dos servidores públicos municipal de Penedo

O carnaval dos servidores públicos de Penedo foi marcado pelas incertezas que rodeiam seu próprio futuro. Tudo por causa do projeto que cria a previdência própria, que apesar de ter quase 100% de rejeição dos servidores públicos municipais e ter sido retirado da pauta da Câmara de Vereadores por duas vezes, na última quinta-feira (8) estrategicamente na véspera do carnaval, o Prefeito Március Beltrão enviou o projeto a Câmara e o mesmo foi aprovado em 1º votação obtendo 8 votos a favor, inclusive, de vereadores que antes diziam votar contra.
6 vereadores votaram contra o projeto de acordo com o apelo dos servidores.
Esse resultado está gerando uma revolta generalizada dos servidores públicos com os vereadores que votaram à favor do projeto causando forte repercussão nas redes sociais.
O Vereador Nelsinho Azevedo foi quem obstruiu a votação e protelou para a próxima quinta-feira (15) a segunda e terceira votações.

Com esse ambiente hostil na cidade de Penedo, o vereador confirmou por telefone, que apesar do período carnavalesco, ficou em contato com os vereadores e servidores e estão confiantes que os edis que votaram “sim” voltem atrás e o resultado seja favorável aos servidores.
blogdobernardino

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com