O reeducando Jaderlan da Silva Alves, de 24 anos, foi autuado pelo crime de corrupção ativa na tarde desta quinta-feira, 4, depois de oferecer R$ 500 a policiais militares durante uma abordagem de rotina, na Vila Brejal, no bairro Levada. As informações são do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran).

Conforme o BPTran, Jaderlan estava fumando maconha na porta de sua residência, em posse de quatro bombinhas da droga. Ele alegou que era apenas para consumo próprio e tentou subornar as guarnições para ser liberado.

O reeducando foi encaminhado à Central de Flagrantes I, no bairro do Farol, onde foi autuado.

Corrupção Ativa, conforme o Artigo 333 do Código Penal.