BBHa5HZ.img

Maju Coutinho participa do ‘Saia Justa’ após saída de Fernanda Gentil. Entenda!

Maria Júlia Coutinho se destacou ao estrear na bancada do “Jornal Hoje” em 2017 e, no primeiro mês de 2018 já vai viver uma nova experiência na TV. Ela é uma das jornalistas convidadas para participar do “Saia Justa” após a saída de Fernanda Gentil, integrante da atração durante dezembro, após a saída de Taís Araújo por conta das gravações de “Mister Brau”.

Outras jornalistas também estão confirmadas

Além de Maju, outras três jornalistas vão participar – ao lado de Monica Martelli, Pitty e Astrid Fontenelle – de uma quarta-feira de janeiro. São elas: Leilane Neubarth, apresentadora do “Edição das 18”; Andrea Sadi, repórter de política em Brasília, e Ana Paula Araújo, âncora do “Bom dia Brasil”. A partir de março, Gaby Amarantos estreia como a quarta integrante fixa da programa do GNT.

No programa, Gentil lembrou reação do filho diante de namoro: ‘Só isso?’

Em uma das quarta-feiras que participou do programa, a apresentadora do “Esporte Espetacular” relembrou o dia em que contou para Lucas, seu filho mais velho, sobre seu namoro com a jornalista Priscila Montandon – que veio à público em setembro de 2016. “Eu pensava nesse período todo ‘como vou falar pro Lucas?’. Poxa, filho, não tem problema nenhum você ter um amigo gay, negro, gordo, alto, baixo, magro, branco… mas a mamãe vai esconder uma namorada? Conflita, não consigo viver o amanhã, como vou viver comigo mesma? Só não é ok se você tiver um amigo que agride e maltrata, aí não é legal”, relembrou. A reação do menino de 9 anos, entretanto, a surpreendeu. “Preparei toda uma palestra com início, meio e fim e quando eu terminei ele falou: ‘É só isso? posso ir pra escola? Eu adoro ela, não tem problema nenhum”, disse a global, acrescentando: “Quando eu me vi apaixonada, encantada e enlouquecida pela Priscila, eu só pensava: ‘Ok, não estou fazendo nada de errado, mas tenho meu trabalho, minha carreira, o país inteiro vai ficar sabendo’. Quando você é uma pessoa pública, tem que lidar com uma nação, um país inteiro opinando sobre a sua vida. Eu tinha um cronograma no Excel: meus pais, meu irmão e meu ex-marido tinham que saber antes do país saber”.

(Por Marilise Gomes)

Msn

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com