Condenado pela Justiça Federal, Renan é favorito na eleição em AL

É claro que este não é o único caso importante a dar a dimensão do que é  tempo da Justiça brasileira, uma das razões que nos causam a sensação de impunidade, que beneficia os homens de bens.

Mas diz muito, principalmente nesses tempos em que a corrupção destroça, citando apenas um exemplo, o antes poderoso estado do Rio de Janeiro.

A lembrar: Renan Calheiros foi obrigado a deixar a presidência do Senado no primeiro grande escândalo que enfrentou – em 2007.

Foi o caso que ficou conhecido como “os bois de ouro”, numa alusão às notas de venda de gado que o senador teria em Murici e arredores.

A acusação, que a Justiça Federal de primeiro grau em Brasília transformou agora em condenação – por improbidade – de perda de mandato e inelegibilidade por oito anos, era de que a Construtora Mendes Júnior pagou despesas pessoais de Calheiros.

Aliás, a sentença também estabelece que a empreiteira e o senador paguem uma multa de R$ 246 mil, em valores a serem atualizados.

Desde aquele longínquo ano de 2007, Calheiros, já ocupou por mais duas vezes a presidência do mesmo Senado Federal, virou réu no STF, além de investigado em pelo menos uma dezena de inquéritos da Lava-Jato.

A sentença de agora, da 14ª Vara Federal de Brasília, não impede que Calheiros continue a viver a vida do jeito a que se acostumou, no poder – seja lá onde for e com quem for.

A ela cabem vários recursos, ainda, principalmente para quem pode pagar a grandes e poderosos escritórios de advocacia no Planalto Central, que há de se imaginar que o conceito de espaço-tempo se aplica com exatidão ao caso.

Candidato à reeleição, Calheiros está entre os favoritos.

Se reeleito, estará absolvido pelos alagoanos das acusações que lhe são feitas. O que há de bastar para ‘novos’ tempos de calmaria.

No caso da condenação de agora, o senador garante que está sendo alvo de “retaliação”.

Por parte de quem?

De algum “juizeco”

blog.tnh1

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com