Rio Sao Francisco em Pao de Açucar-AL- Foto Zinclar-CBHSF

SANEAR O VELHO CHICO NÃO INTERESSA À MAIORIA DOS PREFEITOS ALAGOANOS

O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) assinará, nesta segunda-feira (16) o termo de compromisso para a elaboração dos Planos de Saneamento Básico (PMSBs) de mais cinco municípios alagoanos e um sergipano, localizados na região do Baixo São Francisco. A solenidade acontecerá na sede da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), em Maceió-AL, a partir das 15h. Mas a proposta interessa apenas a 24% dos 50 prefeitos de municípios alagoanos da Bacia.

Financiados pelo Comitê para possibilitar a preservação do chamado rio da integração nacional, os planos atraem muito pouco interesse dos prefeitos alagoanos de municípios ribeirinhos que representam a metade das prefeituras alagoanas. Prova disso é o fato de que Alagoas teve apenas 12 prefeitos buscando apoio do CBHSF para a elaboração de seus planos de saneamento básico, para melhorar a oferta de água em maior quantidade e qualidade para os ribeirinhos do Velho Chico.

O presidente do CBHSF, Anivaldo Miranda, explica que o colegiado definiu como uma das prioridades da atual gestão o financiamento de tais documentos, como forma de contribuir para o fim do lançamento de esgotos diretamente no Velho Chico, como acontece com muitas cidades, bem como preservar o rio e oferecer água em maior quantidade e qualidade.

SEM ÁGUA, NEM INVESTIMENTOS, VELHO CHICO AGONIZA EM ALAGOAS

“Oferecer saneamento básico é oferecer saúde pública e o Comitê não se furta a cumprir com o seu papel, principalmente o de garantir o investimento de parte dos recursos oriundos da cobrança pelo uso da água bruta dentro da própria bacia”, afirmou Anivaldo Miranda, através da assessoria de imprensa do CBHSF.

Nesta segunda, os municípios alagoanos que assinam o termo de compromisso com o Comitê são Feliz Deserto, Penedo, Piaçabuçu, Santana do Ipanema e Major Isidoro. E já foram contemplados os planos dos municípios de Igreja Nova, Feira Grande, Belo Monte e Traipu. O município sergipano de Pacatuba também participa da solenidade da tarde desta segunda, na AMA.

DESINTERESSE

O investimento do Comitê não exige qualquer contrapartida do município. Ainda assim, a maioria dos prefeitos alagoanos do Baixo São Francisco ainda não assinou o termo. Em outras regiões, especialmente no Alto São Francisco, em Minas Gerais, alguns prefeitos já estão tirando os projetos do papel e colocando em prática, após assinarem o termo de compromisso para elaboração dos planos.

O plano de saneamento é um documento muito importante para a captação de recursos para o investimento efetivo em um sistema de saneamento. Mas muitos gestores desejariam que o recurso fosse repassado para a prefeitura tocar o trabalho. Porém, o Comitê faz a licitação e a Agência Peixe Vivo contrata a empresa, a quem cabe elaborar o documento.

A empresa Premier Engenharia e Consultoria foi a vencedora da licitação para executar o trabalho. E estará presente à solenidade, com sua equipe técnica, apresentando as primeiras informações sobre as ações que serão executadas. (Com informações da Assessoria da CBHSF)

diariodopoder

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com