998465_496037520488418_986206143_n

Famigerado Projeto da Previdência própria: Por que insistir tanto se o servidor não quer?

A indignação e a revolta que reinam em meio aos servidores públicos municipais de Penedo, não nos permitem calar num momento como esse. Momento, em que mais uma vez se discute a implantação da previdência própria ou não no nosso município. Momento, em que se discute se aprova ou não essa implantação . Pergunta não ofende: Por quê tanta insistência do município e de alguns vereadores, se o servidor público parte mais interessada não aceita?

Na tarde dessa  terça-feira(08), no auditório Joaquim Reis de Santana(Sindspem), reuniram-se em assembleia geral os nossos servidores municipais no intuito de ouvir pela segunda vez a mesma ladainha, o mesmo blá, blá da Assembleia anterior, quando o teor da matéria foi apresentado  pela  consultoria contratada pelo município  na tentativa de convencer  a esses trabalhadores  de que esse famigerado projeto da previdência própria, é bom e não prejudicaria futuramente os servidores.

Pela segunda vez, esse projeto é colocado para debate com os servidores. Um projeto, que foi derrotado pela força em massa dos servidores na última vez que  tramitou na câmara e que foi para a votação até na oportunidade com voto contra a aprovação de  vereador que hoje se coloca a favor!  Com qual interesse, mudou de posição ninguém sabe.

A verdade, é que mais uma vez o quadro de servidores do município de Penedo de forma praticamente unânime, rejeita qualquer tipo de proposta que diz respeito a criação do regime próprio. Está descartado, qualquer tipo de aceitação do projeto por parte da classe trabalhadora . Ficou definido nessa Assembléia Geral, todos puderam perceber até os Vereadores que lá estiveram que a possibilidade é zero de aceitação dos servidores. Portanto, não adianta  insistir “senhores vereadores” e senhora vereadora nessa tese de querer aprovar a todo custo ou enfiar de goela a dentro esse  inoportuno e famigerado projeto da previdência própria que representa fracasso em quase todos municípios brasileiros aonde foi implantado. Essa, é a grande realidade.

 

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com