201707101443_3917bf0aba

8ª Vara Criminal leva a julgamento acusado de matar torcedor do CRB

A 8ª Vara Criminal da Capital leva a júri popular, nesta terça-feira (11), Al Unser Ayslan Silva do Nascimento, acusado de matar o torcedor regatiano Jonathan Daniel dos Santos, após partida entre CRB e América de Natal, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. O julgamento terá início às 8h, no Fórum da Capital, e será conduzido pelo juiz John Silas da Silva.

De acordo com a denúncia do Ministério Público de Alagoas (MP/AL), o crime foi registrado no dia 7 de julho de 2012, quando, por volta das 20h, após uma confusão entre as torcidas dos dois times, Jonathan acabou baleado.

Ainda segundo o MP/AL, o disparo foi efetuado por Al Unser Ayslan, integrante da torcida organizada do América de Natal denominada “Máfia Vermelha”.

Em fevereiro de 2014, o réu foi julgado e condenado a 20 anos e nove meses de prisão. A defesa, no entanto, ingressou com apelação no Tribunal de Justiça, pedindo a anulação do júri devido à ausência de mídia gravada na respectiva sessão. O recurso foi aceito pelo TJ/AL, que determinou a realização de um novo julgamento.

Al Unser Ayslan Silva do Nascimento será julgado por homicídio duplamente qualificado (motivo fútil e mediante recurso que impossibilitou a defesa da vítima).

gazetaweb.globo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com