a259f678-c4f1-477d-99d3-71df5d360102

Operação Gabarito: Contas bancárias de suspeitos de fraudar concursos são bloqueadas

Nesta sexta-feira, 9, a justiça bloqueou cinquenta contas bancárias, de suspeitos investigados na Operação Gabarito, da Polícia Civil da Paraíba. A maiorias das contas são dos estados da Paraíba, Alagoas e Pernambuco, e pertencem aos suspeitos de fraudar pelo menos 100 concursos públicos e vestibulares, com um lucro de R$ 18 milhões com aprovações de mais de mil pessoas.

Segundo a polícia, as fraudes iniciaram em 2005. O esquema  atuou em concursos nos estados da Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Rio Grande do Norte, Sergipe e Piauí. Os dois irmãos apontados pela Polícia Civil como líderes da quadrilha suspeita de fraudar pelo menos 40 concursos públicos em seis estados do Nordeste acumulam, juntos, 29 aprovações, entre eles o da Polícia Militar de Alagoas.

A operação está na terceira fase que tem como principal objetivo analisar documentos e aparelhos eletrônicos apreendidos com os acusados. Foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão nas cidades de João Pessoa e Cabedelo.

Desde o começo da operação, 31 pessoas foram indiciadas e 26 foram presas, suspeitas de envolvimento no esquema. Além dos bloqueios judiciais nas contas e nos imóveis dos suspeitos de envolvimento com a organização criminosa, a Polícia Civil segue colhendo informações que permitam o mapeamento do todo o patrimônio do grupo.

Na quarta fase da operação, a investigação irá apurar cada concurso fraudado no estado da Paraíba e enviar cópia integral das provas encontradas a outras instituições para a instauração de investigações específicas nos outros estados, inclusive Alagoas.

 

*com Informações G1 PB

cadaminuto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com