58be9cf8-e3d2-4dbc-b484-707bb56bacfe

Delegados colhem depoimentos sobre caso Jaciara

Nesta terça-feira (4), pelo menos dez pessoas devem prestar depoimentos para iniciar as investigações sobre o caso Jaciara. A jovem desapareceu e foi encontrada morta, no último domingo (2), em Coruripe com o corpo em avançado estado de decomposição.

Os primeiros depoimentos, bem como o laudo cadavérico disponibilizado pelo Instituto de Criminalística devem auxiliar na conclusão do inquérito. A linha de investigação ainda não foi definida e por ser um fato recente, nada pode ser afirmado.

“Nenhuma hipótese está sendo descartada, inclusive a possibilidade de crime passional”, afirmou o delegado Guilherme Iusten, que preside a comissão que investiga o homicídio. “Este crime será resolvido; os criminosos não ficarão impunes”, completou.

Além de Guilherme Lusten, os delegados Filipe Caldas e Vinícius Ferrari fazem parte da equipe de investigação.

LAUDO CADAVÉRICO

Após exame cadavérico realizado na comerciaria Maria Jaciara Ferreira dos Santos, cujo corpo foi encontrado neste domingo, dia 02, na cidade de Coruripe, peritos do Instituto Médico Legal (IML), confirmaram nesta tarde que a jovem morreu degolada.

O Instituto de Medicina Legal Estácio de Lima conclui nesta segunda-feira, dia 03, o exame cadavérico realizado no corpo de Jaciara Ferreira dos Santos e concluiu que a vítima foi morta por esgorjamento provocado por ação de instrumento corto-contundente.

O CASO

Acabou de forma trágica a busca da família por notícias de Jaciara Nicácio, 31 anos, desaparecida desde a última quinta-feira na cidade de Coruripe. Na manhã do último domingo (2) o corpo foi encontrado na Lagoa do Pau, litoral sul, com marcas de tiro.

Testemunhas encontraram um corpo em um local afastado do povoado da Lagoa do Pau, que pertence a cidade de Coruripe.

Jaciara Nicácio tinha 31 anos e estava desaparecida desde a última quinta-feira, quando deixou o trabalho, um correspondente bancário que emprestava dinheiro em regime de consignação, por volta das 17h30.

Desde então, não mais apareceu. A família realizou campanhas na cidade, nas redes sociais e mobilizou as forças policiais para que as buscas fossem realizadas. Encontrada morta neste domingo, Jaciara era solteira e deixou duas filhas, uma de 4 e outra de 12 anos.

cadaminuto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com