fb8bb45e1dce4d5378cbe938da102042 (1)

Juiz encerra instrução do processo que investiga morte de capitão da PM

O juiz Geraldo Cavalcante Amorim, da 9ª Vara Criminal de Maceió, encerrou na tarde desta sexta-feira (17) a instrução do processo que investiga a morte do capitão da Polícia Militar de Alagoas Rodrigo Moreira Rodrigues. O magistrado deu o prazo de cinco dias para acusação e defesa apresentarem as alegações finais. Só depois é que ele irá decidir se o réu vai ou não a júri popular.

    A audiência do processo foi iniciada em 27 de janeiro deste ano, quando foram ouvidas testemunhas indicadas pela acusação. No dia 10 de março, a sessão teve prosseguimento, tendo sido ouvidas testemunhas arroladas tanto pelo Ministério Público quanto pela defesa do acusado.

    Já nesta sexta-feira, foram interrogadas testemunhas de defesa e o réu, Agnaldo Lopes de Vasconcelos, que preferiu ficar em silêncio.

O caso

    O crime ocorreu em abril de 2016, no bairro Santa Amélia, em Maceió. De acordo com os autos, o capitão da PM foi baleado durante uma abordagem na casa do acusado, no Conjunto Jardim Petrópolis II. A polícia rastreava um celular roubado, que não estava na residência, mas acabou sendo encontrado nas redondezas.

Matéria referente ao processo nº 0700259-57-2016.8.02.0067

Diego Silveira  Dicom TJ/AL

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com