113595_ext_arquivo

Pressão dos servidores adia votação do projeto de Previdência Própria em Penedo

O projeto de lei que institui o regime de previdência própria para servidores efetivos da Prefeitura de Penedo teve sua votação adiada na Câmara de Vereadores. Pressionados pelos servidores que se mobilizaram contra a aprovação da matéria que altera a aposentadoria de cerca de 1.700 trabalhadores, os vereadores retiraram o projeto da pauta da sessão extraordinária realizada na tarde desta segunda-feira, 19.

Com o plenário lotado de funcionários e funcionárias municipais, os parlamentares entenderam a necessidade de abrir a discussão do projeto cuja documentação não foi enviada ao Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Penedo (SINDSPEM), conforme havia assegurado o Prefeito Március Beltrão durante reunião realizada com dirigentes sindicais no dia 07 de dezembro.

Retirado da pauta da sessão extraordinária por solicitação do Vereador Dr. Raimundo, o projeto não tem data prevista para ser colocado novamente em pauta, principalmente porque precisará ser analisado pela diretoria do SINDSPEM junto com membros do colégio de líderes do sindicato e especialistas no assunto.

Concluída essa etapa, as lideranças e os dirigentes sindicais irão levar o projeto ao conhecimento dos servidores que decidirão, em assembleia geral, se aceitam ou não a proposta do governo municipal.

“Nós agradecemos a compreensão dos vereadores que perceberam o prejuízo causado pela ausência de debate de um assunto tão importante, justamente com quem tem mais interesse nele que somos nós, servidores efetivos da Prefeitura de Penedo”, comentou a Presidente do SINDSPEM, Ana Flávia Teixeira.

“É o nosso futuro que está em jogo, a nossa aposentadoria, então não poderíamos nos omitir e deixar essa responsabilidade apenas como os vereadores. A proposta de previdência própria também precisa ser discutida com o funcionalismo municipal”, concluiu Ana Flávia, aproveitando para agradecer a mobilização dos servidores.

SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE PENEDO

Um comentário

  1. Esse projeto e uma bomba , uma vez que esse projeto virando Lei pode num futuro não muito distante não garanti a aposentawsdoria dos funcionários. Para o prefeito e ótimo, pois ficará sem verbas bloqueadas e convênios suspensos por falta de pagamentos com o INSS. Em inúmeras cidades que esse tipo de previdência foi instituída no deu certo, e quem perdeu foi os servidores. NÃO A ESSA FARSA E RESPEITO AOS DIREITOS TRABALHAR.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com