ministro-do-turismo-marx-beltrao-foto-marcio-ferreira-agencia-alagoas

MINISTRO CRITICA RIVAIS E JÁ DISPUTA O SENADO EM ALAGOAS

Contaminado pelo climão eleitoral construído pelas descomposturas do senador Benedito de Lira (PP-AL) e do governador de Alagoas Renan Filho (PMDB-AL) na solenidade que autorizou a obra do Marco Turístico de Maceió, o ministro do Turismo Marx Beltrão aproveitou o momento para voltar a antecipar o palanque de 2018, na segunda-feira (19). Ao defender o governador de críticas do senador do PP, Marx ampliou sua artilharia para outro dos prováveis adversários de sua já anunciada candidatura ao Senado, e fez duras críticas ao ex-governador Teotonio Vilela Filho (PSDB).

Marx Beltrão lembrou que, assim como o popular senador Biu de Lira reclamou de Renan Filho de obras pela metade e supostamente atrasadas, já sofreu com a frustração de projetos anunciados por Téo Vilela. E citou como exemplo os grandiosos projetos do Estaleiro Eisa Alagoas, de R$ 10 bilhões; e de um empreendimento hoteleiro, em Coruripe, durante o período em que o ministro foi prefeito do município do Litoral Sul de Alagoas.

“Já estive aqui, nesta mesma sala e participei de dois momentos com o governo passado. Um do lançamento de um resort do Grupo Itacaré, em Coruripe, que foi lançado aqui, dando ordem de serviço pelo governo passado e, até hoje, continua do mesmo jeito, as terras lá, porque o governo passado tinha uma simples coisa que acontecia muito: anunciava obras e o projeto não saía do papel”, disse o ministro alagoano, ao elogiar o atual governador por anunciar um hotel na semana passada e a obra, da iniciativa privada, já ter iniciado.

Na presença do autoproclamado candidato à reeleição Benedito de Lira, o ministro explorou o fato de seu futuro adversário ter sido aliado de Téo Vilela durante quase todo o segundo mandato do tucano. “Talvez o governo passado não tivesse a prioridade que este governo tem para com o turismo. Afinal de contas, também, lá na cidade de Coruripe, eu participei de várias, várias reuniões aqui neste Palácio e lá teve várias audiências públicas e, até hoje, a única coisa que escuto é o som dos navios quando passam no porto. E o estaleiro até hoje é um sonho que nunca foi alcançado, porque os governos passados não tinham a prioridade que o governo Renan Filho tem. É por isso que todas as obras devem ser anunciadas em um momento de maturidade. Devem ser anunciadas no momento de estar prontas para serem iniciadas”, disparou Marx Beltrão, atingindo seus prováveis rivais em 2018.

O ministro do Turismo controla vários partidos em Alagoas e vem demonstrando que será candidato a uma das duas vagas de senador de Alagoas em 2018, seja pelo PMDB ou não, independentemente do aval de seu padrinho e presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), candidato à reeleição assim como Biu de Lira, se a Operação Lava Jato permitir.

diariodopoder

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com