350e08f6-85a9-4403-81db-2d1530850615

FPI do São Francisco combate fabricação clandestina de carvão no Sertão

Em uma operação realizada nesta quinta-feira (1º), a Fiscalização Preventiva Integrada do Rio São Francisco da Tríplice Divisa (FPI do São Francisco), através da sua equipe Flora, localizou entre os municípios de Senador Rui Palmeira e Piranhas, 17 fornos utilizados para a fabricação clandestina de carvão.

Os fiscais destruíram os fornos e apreenderam 30 sacos de carvão, além de 5m cúbicos de lenha pronta para ser carbonizada.

Segundo os técnicos, os principais compradores levam o material para o município de Arapiraca e que depois ele é comercializado para outras regiões do Estado.

A FPI do São Francisco afirmou que a fabricação clandestina de carvão é uma das maiores agressões para o bioma da caatinga, pois provoca a expulsão dos animais de sue habitat, além da produção de fumaça poluidora que prejudica o meio ambiente e os moradores próximos dos fornos.

Além dos gases a fabricação de carvão provoca a supressão irregular e desmedida da vegetação da caatinga, já que a lenha é matéria prima no processo.

cadaminuto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com