Circuito Penedo de Cinema é aberto e segue com ampla programação até sábado, 03

Na noite da última terça-feira (29) foi aberto o Circuito Penedo de Cinema, resgatando assim, depois de 34 anos, o Festival do Cinema Brasileiro, agora em sua 9ª Edição. Também ocorrem de forma conjunta, o 6º Festival de Cinema Universitário de Alagoas, a 3ª Mostra Velho Chico de Cinema Ambiental e o 6º encontro do Cinema Alagoano. A primeira noite de exibições contou com a participação de curtas-metragens com temas da atualidade e com autores originários de diversas partes do Brasil, além do longa-metragem Pitanga.

Os filmes de curta duração: Bumba Meu Jaraguá, Cuscuz Peitinho, Obra Autorizada, Tatame, Memórias de Areia, Ingrid, Janaina Overdrive; contaram histórias sobre o aspecto de diversas realidades, usando também as mais diversas técnicas cinematográficas. Após a exibição dos curtas, foi a vez do longa metragem nacional Pitanga, produzido pelo diretor Beto Brant, que interagiu com a plateia, falando sobre diversos aspectos do filme, antes da exibição. O longa Pitanga trás no elenco, o pai da atriz Camila Pitanga, Antônio Pitanga e a cantora Maria Betânia, sob o formato de documentário.

Participaram da abertura do evento, o coordenador geral Sérgio Onofre, o superintendente de Fomento e Apoio à Produção Cultural da Secretaria de Estado da Cultura, Paulo Poeta, o secretário municipal de Cultura, Hugo Menezes, o coordenador geral da UFAL Polo Penedo, Alexandre Oliveira e o executivo da Algás, Felipe Guimarães e também as atrizes Alice Braga e Bianca Comparato.

Para o Secretário Hugo Menezes, a retomada no Festival do Cinema Brasileiro e a continuação do Festival Universitário de Cinema vão ao encontro dos projetos desenvolvidos pela Secretaria de Cultura de Penedo.

“Estamos buscando o resgate das questões culturais, contribuindo também para a geração de emprego e renda no município, junto com todos os entes envolvidos e assim resgatar as nossas tradições em Penedo e também no estado de Alagoas”, afirmou.

O superintendente de Fomento e Apoio à Produção Cultural da Secretaria de Estado da Cultura, Paulo Poeta, garantiu que o Governo de Alagoas continuará apoiando as manifestações culturais do estado e também incentivando as produções cinematográficas, para que festival possa ter continuidade.

O coordenador geral do evento, Sérgio Onofre, parabenizou a todos os parceiros, profissionais da área e colaboradores, e também a equipe responsável pela organização. Afirmou que apesar da propagada crise, o Circuito Penedo de Cinema tem conseguido cada vez mais parcerias, buscando sempre o aprimoramento do festival. Nessa quarta-feira, 30, o Circuito Penedo de Cinema segue, com o início da Mostra Competitiva, além de filmes infantis e com temas ambientais.

Os filmes nacionais que concorrem na mostra competitiva são: Retina, Horas, Tango, Corrego Grande, 13, Outubro Acabou, João Heleno dos Brito. Já no âmbito Universitário concorrem: Liberdade, Liberdade e Maceió, Noite Escura de São Nunca, Todas as Memórias Falam de Mim, O Chá do General, Iami, A Origem da Noite, Perto do Sol e Claustro

penedo.al.gov

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com