49-1

Maradona e Verón se desentendem e geram ‘climão’ no Jogo da Paz

A partida era para promover a paz. Mas ficou manchada com um bate-boca entre duas de suas estrelas. No intervalo do evento organizado pelo Vaticano, nesta quarta, Maradona e Verón se desentenderam e criaram um “climão” no Estádio Olímpico de Roma.

O episódio teve início quando Verón tentou roubar uma bola de Maradona. Os dois estavam em equipes distintas. Maradona tentou ironizá-lo, mas foi ignorado. Só que, imediatamente, o árbitro decretou o fim do primeiro tempo. Com isso, o campeão do mundo em 1986 aproveitou para acompanhar o desafeto no caminho para o vestiário. E lhe falar poucas e boas.

Do lado de fora do campo, os ânimos dos dois já estavam exaltados. E eles precisaram ser afastados.

— Não te sacaneio. Digo as coisas na sua cara — gritou Maradona, que já havia se desentendido com Verón em julho, quando o acusou de traição.

Esta não é a primeira desavença protagonizada por Maradona esta semana. Na segunda-feira, durante entrevista para promover o Jogo da Paz, ele alfinetara Icardi, a quem ataca desde que o atacante da Inter de Milão se tornou o pivô da separação de Wanda Nara e Maxi López.

— Dos traidores, não falo. Se estou aqui no Jogo da Paz, ele nada tem a ver com esse jogo e as crianças — dissera.

Fonte – ExtraOnline

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com