Fernando Collor fez questão de ficar ausente da campanha eleitoral em Arapiraca

Apesar de ter mostrado a cara muito rapidamente na campanha de Paulo Memória, que concorreu ao cargo de prefeito de Maceió pelo PTC, o senador Fernando Collor não foi visto na maioria dos municípios alagoanos durante o processo eleitoral. Nem mesmo em Arapiraca, onde Collor conta com a prefeita Célia Rocha como aliada política, o senador não apareceu para pedir votos.

Enquanto que em Maceió o senador alagoano gravou mensagens de apoio ao seu candidato, em Arapiraca Collor nem arriscou aparecer para tentar empurrar o candidato indicado por Célia (Ricardo Nezinho), que acabou perdendo a eleição para o tucano Rogério Teófilo por pouco mais de 250 votos.

De todo modo, as aparições ou sumiço de Collor não devem fazer falta nas eleições de 2018, já que o mandato do senador vai até 2022. No próximo pleito, os eleitores vão escolher dois candidatos ao Senado e será quando os mandatos de Renan Calheiros e Benedito de Lira se encerrarão.

Enquanto outros nomes aparecem como possíveis candidatos ao Senado, como o do ex-senador e ex-governador Teotônio Vilela, da ex-senadora e ex-vereadora por Maceió Heloísa Helena e do deputado federal Marx Beltrão, entre outros, Collor acompanha tudo na ‘surdina’, mas muito bem antenado ao que acontece na política alagoana.

cadaminto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com