201610140644_d0df857d26-1

Comissão de delegados vai investigar casos de estupro no Litoral Norte de Maceió

Uma comissão especial formada por três delegados vai investigar os crimes de estupro no Litoral Norte de Maceió. Na manhã desta sexta-feira (14), moradores da Garça Torta e da Pescaria fecharam a AL-101 Norte para protestar contra os casos de violência sexual ocorridos na localidade.

Segundo advogado Pedro Montenegro, que é membro do Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente Zumbi dos Palmares (Cedeca), a adoção de alguma medida por parte da Segurança Pública foi cobrada durante reunião na SSP.

Ficou definida a formação de uma comissão que será composta pelos delegados Robervaldo Davino, Adriana Gusmão e Paula Mercês. Eles ficarão responsáveis pelas investigações referentes aos casos de violência no Litoral Norte de Maceió. Os nomes dos delegados será publicado no Diário Oficial do Estado da próxima segunda-feira(17).

’10 casos de estupro’

De acordo com os moradores, os crimes têm sido praticados por dois homens que utilizam um carro preto no momento em que abordam as vítimas. Segundo moradores da localidade, o último caso de estupro aconteceu na última terça-feira (11), às 16h, e teve como vítima uma adolescente de 16 anos. Nos últimos dias, já teriam sido registrados dez casos de violência sexual na região.

gazetaweb.globo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com