Brasília - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, fala à imprensa (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Brasília - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, fala à imprensa (Antonio Cruz/Agência Brasil)

PRESIDENTE INTERINO, MAIA TEM AGENDA DE DESPACHOS INTERNOS NO PLANALTO

O presidente da República em exercício, Rodrigo Maia, não tem compromissos agendados nesta segunda-feira, 5, e passa o dia em despachos internos no gabinete presidencial do Palácio do Planalto.

No fim de semana, Maia foi para o Rio de Janeiro onde pretendia fazer campanha ao lado do pai, o ex-prefeito Cesar Maia (DEM), vereador que tenta a reeleição. No entanto, o deputado consultou advogados de sua confiança para saber como deveria proceder na campanha. Foi aconselhado a não ir para a rua pedir votos, porque não há regra clara para o ressarcimento dos recursos públicos gastos com o presidente em exercício, como segurança e transporte, para exercer uma atividade partidária.

Apesar de atuar como presidente até o retorno de Michel Temer da China, Maia tenta articular com a base aliada a possibilidade de ter quórum na Câmara para votações importantes para o governo. Porém, por conta do feriado a expectativa é de semana vazia em Brasília. As atenções na Câmara também estão voltadas para o próximo dia 12, quando está prevista votação da cassação do mandato do ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

Apesar do movimento de aliados de Cunha para esvaziar a sessão do dia 12 e adiar a votação Maia aposta que haverá quórum para deliberar. “Pelo que estou ouvindo dos deputados, haverá quórum alto na segunda-feira. Acho que, como estratégia política, ele (Cunha) vai olhar primeiro se consegue (esvaziar a sessão). Se não conseguir, o segundo movimento vai ser dar presença”, afirmou neste fim de semana. (AE)

diariodopoder

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com