201609021212_d98c0082a5

OMS diz que não há relatos de zika em pessoas que foram à Rio 2016

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou nesta sexta-feira (2) que não há relatos de sintomas de zika em pessoas que estiveram nos Jogos Olímpicos Rio 2016, em linha com a previsão de que a Olimpíada não levaria a um aumento significativo na transmissão do vírus.

O comitê de emergência da OMS reafirmou ainda o conselho dado anteriormente para que não haja restrições gerais de viagem e comércio para países em que há transmissão do vírus, incluindo o Brasil, que sediará os Jogos Paralímpicos neste mês.

A organização afirmou também que o vírus continua representante uma emergência de saúde internacional por conta da “contínua expansão geográfica e considerável vácuos no entendimento”, e pediu por maiores descobertas científicas e pesquisas sobre prevenção.

Em maio, um grupo de 150 cientistas de 28 países tinham pedido à OMS que a Olimpíada do Rio fosse adiada ou transferida para outro lugar. Eles afirmavam que a exposição de atletas e turistas ao vírus da zika poderia pôr em risco a saúde global.

Estudos posteriores, porém, apontavam para um número baixo de pessoas potencialmente expostas ao vírus durante o evento por causa da estação do ano, o inverno.

 gazetaweb.globo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com