5358c31e-3e78-481e-b8cd-22ef5491c87e

Justiça bloqueia R$ 660 mil das contas do município por atraso de salários

Após o atraso do pagamento dos servidores do município e o parcelamento de atrasados, a juíza Fabíola Melo Feijão determinou o bloqueio de R$ 660 mil das contas do município de Porto Real do Colégio. Segundo a magistrada “é imoral, vergonhoso, achincalhante, inexcusável o ato de atrasar salário”.

A decisão foi publicada no Diário da Justiça desta sexta-feira, dia 30. Segundo a assessoria de Comunicação do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), o  Sindicato dos Servidores do Serviço Público Municipal de Porto Real do Colégio (SINDSPPRAL/AL) alegou que ainda não foram pagos os salários de agosto deste ano. Segundo o órgão, o prefeito vem fracionando o pagamento do salário dos professores e deixando de pagar os demais funcionários, chegando a acumular dois meses de seus vencimentos.

A magistrada concedeu liminar favorável ao sindicato e determinou o bloqueio dos recursos do município até que sejam pagos todos os salários atrasados. “A falta de recursos financeiros para manutenção da família desestrutura o homem, coloca em risco seu equilíbrio emocional, a sua vida e a de seus familiares, a sua dignidade”, disse a titular da Comarca.

*Com Ascom TJ/AL

 cadaminuto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com