1-falou

Eleição 2016: a baixaria começou nas redes sociais e Whatsapp!

As redes sociais é o campo fértil das baixezas políticas nestas campanhas políticas, assim como foram nas eleições passadas.

Mas não se esqueçam direito garantido,falou? Vai ter que ouvir!

Em 2014 o Facebook bombou, mas muitos daqueles que utilizaram o recurso da identidade fake dançaram, pois é possível o rastreamento da origem dos posts.Agora, o uso aplicativo Whatsapp , com criptografia ponta a ponta, está sendo utilizada à vontade, não permite que se chegue aos autores de vídeos, falsas denúncias, factóides etc.Esse é o grande dragão da maldade nestas eleições.

 Vídeos bem produzidos começam a circular contra alguns candidatos e aliados e já rolam no Facebook e Whatsapp

 materiais  abusivos inomináveis as famílias com ataques a integridade moral de pessoas de bem.

Pessoas que fazem isso têm a certeza da impunidade. Estão acima da justiça. Pelo visto, o esgoto não terá limites, de tantas baixarias. Caberá ao eleitor fazer a filtragem desse material, não compartilhando material produzido e averiguar o que é verdade, mentiras manipuladas, a qualidade do candidato cabe a você eleitor definir.

Agora é difícil achar um santo nesse meio, são os sujos falando dos maus lavados. Os cabos eleitorais para garantir seu emprego, suas necessidades, até por simpatia, amizade, é que colocam a cara na reta. O tal do rabo preso está segurando muita gente, são os acordos políticos. Só não se esqueçam: Os políticos nunca perdem.

Brigam de fachada, sempre ganham, entre eles não existe a tal oposição.

 Esperem para ver em 2017,como foi na ultima eleição,se lembram? Os dos contra agora é tudo a favor, a oposição se juntou com quem brigou a vida toda, e por ai vai, acordos de fazer defunto levantar. São filhos contra até os próprios pais. Contrariando até os mandamentos de Deus que é: “Honrar Pai e Mãe.” Os filhos devem a seus pais respeito e essa eleição estamos vendo essa falta de respeito as leis de Deus.

Nesse aspecto, a justiça eleitoral e as instituições como OAB,podem perfeitamente solicitar à sociedade que não propaguem baixarias.O povo quer propostas,qualidades nas campanhas,porque até tudo o que falado através desses fakes,todo mundo sabe. Ninguém entrou nesta campanha apoiando um partido sem conhecer suas historias e lideranças políticas. Por isso foi criado a Ficha Limpa, se candidato for ficha suja e você votar nele, a escolha, decisão é sua, e a culpa também.

Não compartilhem,não curtam. não fiquem batendo boca em redes sociais.

 È bom lembrar que a liberdade de expressão é um direito constitucional; porém, não podemos fazer uso dessa garantia para ferir direitos alheios. “Ao nos expressarmos, seja pessoalmente ou através da internet, somos responsáveis pelo que dizemos e devemos arcar com as conseqüências. Sendo assim, uma publicação falsa ou ofensiva na internet pode atingir terceiros, configurando crimes contra a honra (calúnia, difamação e injúria). Ao compartilhar uma informação falsa ou ofensiva, aquele que compartilha está aumentando a amplitude do fato, e, portanto, também contribui para a prática do crime em questão.

Entenderam o querem que eu soletre?

Márcia Mendes

Jornalista

semlimitesjornalinovador

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com