plenario-senado-FotoWaldemir-Barreto-AgSenado

SE O VOTO FOSSE SECRETO, ATÉ O PT VOTARIA CONTRA DILMA NO IMPEACHMENT

A adesão ao impeachment é tão forte que até senadores petistas estavam inclinados a votar contra a presidente afastada Dilma Rousseff. Preocupados com a repercussão negativa nas eleições, os petistas só não votarão contra Dilma por causa do chamado voto aberto, que revela o posicionamento de cada parlamentar. A avaliação é que o ônus em defendê-la é muito maior do que o bônus. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Ao contrário do ex-presidente Lula, que jeitoso, Dilma trata aliados rispidamente, o que piora sua situação na votação do impeachment.

“Já contabilizamos 63 votos. Se a votação fosse secreta, nem o PT fecharia com Dilma”, confirma o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES).

Nos municípios, os petistas tentam se desvincular de Dilma. Os candidatos não querem a presidente afastada em seus palanques.

O PT está convencido de que sairá menor nas eleições, elegendo, no melhor cenário, metade (cerca de 300) dos atuais prefeitos.

diariodopoder

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com