e90d657d-56e5-4720-89ec-910395702f8d

Polícia prende organização criminosa que agia em bairros de Maceió

Uma operação da Secretaria de Segurança Pública realizada na manhã desta quarta-feira (17), prendeu onze suspeitos acusados de integrarem uma organização criminosa que cometia crimes no Litoral Norte de Maceió e na parte alta da cidade. A ação recebeu o nome de “Operação ninguém dorme” e foram cumpridos 12 mandados de prisão ao todo.

Durante a coletiva de imprensa na sede da SPP, o delegado Gustavo Henrique, disse que a operação foi dividida em três fases. A primeira fase, foi para investigar os suspeitos, a segunda para identificar quem eram e a terceira fase para efetuar a prisão deles. O trabalho durou cerca de 90 dias.

Ainda de acordo com o delegado, a organização criminosa aterrorizava os moradores do conjunto Aprígio Vilela, localizado no bairro do Benedito Bentes. “Eles eram responsáveis por diversos crimes, tráfico de drogas, assaltos e porte ilegal de armas”, comentou.

Os presos na ação foram identificados como Bruno dos Santos Pereira, 25 anos e tinha a função de gerenciar fora do sistema prisional os crimes, José Pereira da Silva, vulgo “Vado”, 43 anos, José Antônio da Rocha Neto, vulgo “Permanente”, Iris Gomes de Oliveira, 18 anos, Jonathan de Lima Carlos e Mônica Cordeiro da Silva, vulgo “Negona”.

Outros suspeitos já se encontravam no sistema prisional e atuavam de dentro do presídio comandando o tráfico e os crimes. Foram identificados os presos Sérgio dos Santos Pereira, Sidney Valdevino Farias Júnior, Givaldo Vicente dos Santos, vulgo “Dô” que era conhecido como o líder da organização, José Lucas Ferreira, vulgo “Gago” e Adriano Carnaúba de Araújo, vulgo “Voador.”

De acordo com o Coronel Carlos Amorim, comandante do 5º BPM, a operação integrada que envolve a Radiopatrulha, BPTRAN, Bope e as polícias civis e militar, ainda permanecem em ocupação no conjunto Aprígio Vilela. “Não temos prazo para que a polícia saia de lá, precisamos combater os crimes da região do Benedito Bentes já que a população que mora lá é refém do crime”.

cadaminuto

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com