SONY DSC

Sargento Josenilton orgulho de ser Bombeiro

“Para ostentar essa farda é preciso ter muito mais do que um sonhos, é preciso coragem para ir onde ninguém quer ir, para por em risco a vida por pessoas que nunca se viu, é preciso sangue-frio para manchar a farda com sangue das mesmas pessoas que ontem criticavam as nossas ações e zelar pelas sua vida como sendo a mais importante de todas, é preciso saber que a mesma mão ensangüentada que se estende em busca de socorro, dificilmente virá a estender-se de novo em sinal de agradecimento.
Para ser bombeiro, não se pode gostar do natal, nem da pascoa, nem do ano novo ou do carnaval, porque enquanto o mundo festeja, os nossos olhos precisam de permanecer atentos e a alma pronta sempre velando pela segurança daqueles que estão sob nossas asas.
É preciso ter paciência e saber que a prevenção é sempre mais eficiente e embora as estatísticas não registem incêndios e acidentes que não ocorrem, se aprende somente com o passar dos anos, que não há uma glória em combater um incêndio que poderia ter sido evitado.
Para ser bombeiro o corpo precisa saber que não há diferença entre a madrugada fria, ou o verão quente, entre a água e o fogo, todos se igualam ao som das sirenes.
Para ser bombeiro, tem que gostar de química, entender um pouco de física, gostar de Camões, entender como funciona o corpo humano, saber conversar com o fogo e com a água, mas principalmente tem que gostar de pessoas, saber que nem todas as estrelas do céu valem uma vida humana e para salvá-la, tudo o que se tem será posto a disposição, inclusive a vida do bombeiro.
Para ser bombeiro, é preciso saber que não se vai ficar rico, que vai se trabalhar muito, que os fracassos serão fantasmas que vão nos perseguir por toda a existência e o sucesso são nuvens que se dissipam com o anoitecer.
Para ser bombeiro é preciso ser abnegado, um apaixonado por aquilo que faz, porque dentro dos bombeiros que já conheci, jamais vi algum, que tenha, mesmo que por um minuto só, se arrependido da opção que fez.
Ser Bombeiro é ter um coração enorme pulsando dentro do peito.
É sentir o sangue correr nas veias alucinado toda vez que alguem precisa de nós.
É estar pronto a qualquer soar da sirene e saber acalmar nos momentos mais dificeis.
É chorar e gritar por dentro, é reviver o filme da sua vida, pensar em filhos pais e esposas( os) toda vez que saem para uma ocorrencia…
É fazer o resgate de um desconhecido com o mesmo carinho com que se pega o filho no colo.
É correr a favor do fogo enquanto muitos saem correndo dele..
É amar o próximo como amamos a nós mesmos.
É nos emocionar-mos após cada salvamento.
É estar preparado diariamente para o desconhecido ou imprevisível.
É ser um super-homem sem super poderes.
E tudo isso sem querer nada em troca.”

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com