presos1-350x232

Polícia apresenta integrantes de quadrilhas de roubo a bancos

Cinco pessoas foram presas em Arapiraca e Taquarana, acusadas de integrar duas quadrilhas de assaltos a bancos no Estado. Três delas foram apresentadas na tarde desta segunda-feira (25), na Secretaria de Segurança Pública, pela Seção de Roubo a Banco (Serb) da Deic.

De acordo com o delegado da Serb, Vinícius Ferrari, Três pessoas foram presas na última sexta-feira (22) em Arapiraca e Taquarana; e outras duas foram presas nesta segunda, em Arapiraca.

Na última sexta-feira, em Arapiraca, foi preso Álvaro de Oliveira. Já em Taquarana, a polícia prendeu Iara Nunes da Silva Moura, José Erivan da Silva, também conhecido como “Bigode” e “Alex”. De acordo com o delegado, o trio integra uma quadrilha acusada do assalto a uma agência bancária de Monteirópolis. Os três também já têm passagens pela polícia por tráfico e roubo de veículos.

Ainda segundo o delegado Vinícius Ferrari, o grupo tem integrantes do Distrito Federal e São Paulo. Além disso, o grupo trazia armas do Paraguai e foi identificado como praticantes de assaltos a bancos pelos veículos e também por uma prova testemunhal. “Nós chegamos a eles pelos veículos usados nas ações que continuavam em posse deles. Além disso, encontrados diversas fotos da Iara com outras duas integrantes da quadrilha usando armas como Glock. A Iara era muito atuante na quadrilha, braço armado mesmo. Também temos uma testemunha como prova”, disse o delegado.

Vinícius Ferrari detalhou também que este grupo é liderado por um homem chamado Jadson, também conhecido como Gustavo. De acordo com o delegado, Jadson fazia parte do mesmo grupo de Paulo Victor Semeão, preso no dia 12 deste mês.

“Eles eram do mesmo grupo, mas brigaram e Jadson montou sua quadrilha. Estamos no encalço dele há mais ou menos seis meses e ele já conseguiu fugir por duas vezes. Digo sem sombra de dúvida que o Jadson hoje é a pessoa mais bem articulada para assaltos a bancos em Alagoas. Sempre tem várias casas em locais diferentes em Arapiraca que servem como ponto de apoio. Uma vez prendemos parte da quadrilha dele e na época eles usavam cinco casas. Desta vez ele já ramificou para Taquarana”, explicou o delegado.

As outras duas pessoas presas na manhã de hoje foram: Moema Natiane Correia Araújo e Wallisson Maxuel dos Santos. Ambos não foram apresentados porque, segundo o delegado, estão em diligências com as equipes da Sessão de Roubo a Bancos. Eles são acusados do assalto ao banco da cidade de Chã Preta e, segundo a polícia, foram identificados pelos objetos e materiais usados pelo grupo. Entretanto o delegado não disse quais eram justificando que era segredo de investigação.

As operações foram encabeçadas pela Serb, com o apoio das polícias Civil e Militar de Arapiraca, além do serviço de inteligência e o Gecoc.

Alagoas24horas

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com